FacebookTwitter Hoje é sábado, 19 de abril de 2014
PLANTÃO   |   NEWSLETTER
 
 
 

Cadastre-se

Faça seu cadastro e tenha acesso ao arquivo, à seção múltipla e às promoções.
 
 
 
A Voz da Cidade

Plantão da Voz da Cidade

Ciclista é atropelado na Lúcio Meira saiba mais Idoso é preso por porte ilegal de arma de fogo saiba mais
BARRA MANSA Previsão para todas as cidades
19º 28º
MÍNIMA
MÁXIMA
 
 

TAGs

 
 

Cadastre-se

Faça seu cadastro e tenha acesso ao arquivo, à seção múltipla e às promoções.
 
 

   

Seis mil trabalhadores conquistam reajuste salarial

SUL FLUMINENSE

Na terça-feira, o Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil e Montagem Industrial, junto ao Sindicato das Empresas de Engenharia de Montagem e Manutenção Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Sindemon), assinou a Convenção Coletiva que traz reajustes salariais e mais alguns benefícios aos mais de seis mil trabalhadores da montagem industrial do Sul Fluminense.

O aumento salarial varia de 10% a 19.95% e será retroativo a 1º de fevereiro. O reajuste está garantido na Convenção Coletiva de 2012-2013 da categoria. Além dos aumentos salariais, a Convenção Coletiva teve outros benefícios conquistados, entre eles cesta básica no valor de R$ 170, uma Participação nos Lucros e Resultados (PLR) que chega a 100% do salário nominal, mais 60% de hora extra praticada no decorrer da semana e 80% aos sábados. A proposta patronal que fechou essa convenção foi aprovada pelos trabalhadores da base territorial do sindicato que reúne os municípios de Barra Mansa, Resende, Itatiaia, Quatis, Porto Real, Rio Claro e Volta Redonda.

De acordo o presidente da entidade, Dejair Martins, o menor piso profissional teve um ganho significativo e ficará em R$ 1.190,20, alcançando um reajuste de 19.95%. “O piso do ajudante passa de R$ 712,80 para R$ 809,60, com o fechamento da Convenção Coletiva, o que representa um reajuste no momento de 13.5%. A partir de 1º de fevereiro do próximo ano haverá mais 5% de reajuste aos salários dos ajudantes, que será somado ao novo aumento negociado nesta outra data base”, explica o presidente, que completa dizendo que mesmo o reajuste geral de 10% que os trabalhadores que ganham acima do piso receberam representa um ganho real de 4.37%, superior à inflação do período, calculada em 5.63%. “A cesta básica atinge o reajuste de 113% ao passar de R$ 80 para R$ 170, e a PLR chega a mais de 40%”, finaliza Dejair.

 

Postado em 23/03/2012 13:25:36

 
 
 
   
Outras notícias
16/04/2014 Nissan do Brasil inicia atividades em Resende
15/04/2014 Agricultores de Floriano recebem certificação de produtos orgânicos
15/04/2014 Rechuan recebe Dilma e Pezão na inauguração da Nissan
 
Comentários
01  quem trabalha de quarta a domingo isso e certo existe alguma compensaçao diferenciada de quem trabalha de segunda a sexta. pra mim folgar domingo eu tenho que trabalhar uma terça antes e nao ...mais
| 27/03/2012 19:15h
 
 
Envie seu comentário
* Nome:
* E-mail:
Telefone:
 
   
* Comentário:  
Declaro expressamente que li as Condições Gerais
e aceito seus termos de forma integral. 
 

Economia

Nissan do Brasil inicia atividades em Resende
Agricultores de Floriano recebem certificação de produtos orgânicos
 
Rechuan recebe Dilma e Pezão na inauguração da Nissan
 
ITATIAIA
Prefeitura prorroga prazo do Programa de Recuperação Fiscal
 
 

Variedades

'Temos Vagas' retrata vida de jovem do interior na capital Fluminense
Aniversário da Ponte Velha é comemorado com exposição e auto
Exposição mostra história de Pereira Passos
Patrícia Correa: a arte de fotografar bebês
 
Arquivo  |  Expediente  |  Assine   |   Anuncie  |   Pautas e Denúncias  |  Newsletter  |  Fale Conosco  |  Mapa do Site
© 1999 – 2011. Todos os direitos reservados.